• Home
  • /
  • Integração
  • /
  • Quais as opções para as pontas do Palmeiras no elenco Sub-20?

Quais as opções para as pontas do Palmeiras no elenco Sub-20?

A lesão de Wesley sofrida no confronto da Copa do Brasil contra o Red Bull Bragantino acionou o alerta dos torcedores do Palmeiras e da comissão técnica. Quem poderá fazer a função que o atacante estava desempenhando tão bem?

Wesley participou de 21 jogos oficiais do Palmeiras na temporada, 13 deles como titular, incluindo os últimos 5. O atacante fez 4 gols, deu 6 assistências e também tem a maior média de drible bem sucedido por jogo da equipe no Brasileirão: 1.8 (73% de acerto). Sem dúvidas, fará falta no time titular e abrirá um espaço no elenco para um jogador por estas características.

 

No elenco profissional

No elenco principal, Rony e Gabriel Veron são as opções imediatas para atuar pelos lados do campo. O atacante criado na base tem, inclusive, uma excelente média de participações em gols no profissional, mas ainda não teve sequência como titular. Veron tem 7 gols e 3 assistências em 24 jogos oficiais como profissional (7 como titular). Ele participa de 1 gol a cada 103 minutos em campo.

Willian e Gabriel Silva também podem ocupar a posição, mas não necessariamente desempenhar função tão similar. Embora sejam versáteis no ataque, os dois jogadores funcionam melhor como segundo atacante, jogando um pouco mais dentro da área, como um falso 9 ou flutuando atrás de um outro atacando mais fixo.

Gabriel Silva é o artilheiro do Sub-20 este ano, mesmo jogando poucos jogos por estar integrado com frequência ao profissional. O atacante do Palmeiras já marcou 6 gols em 7 jogos disputados pelo Sub-20 desde a volta do futebol. Essa artilharia está longe de ser uma novidade para ele. Gabriel Silva marcou 40 gols em 2019 (Sub-17 e Sub-20), inclusive, fazendo gols em todas finais que disputou. Nos anos anteriores, só em Paulistas:, fez 28 gols no Sub-17 em 2018, em 24 jogos e 27 gols no Sub-15 em 2017, em 22 jogos.

 

Pontas da base do Palmeiras

O Sub-20 do Palmeiras possui alguns jogadores que estão acostumados a atuar pelos lados do campo e estão sendo desenvolvidos para ser em breve uma opção à equipe principal. 4 deles estão jogando com mais frequência nos principais torneios da categoria, como Brasileiro e Copa do Brasil: Marino Hinestroza, Pedro Acácio, Marcelinho e Robinho.

 

Marino Hinestroza – 18 anos

marino hinestroza brasileiro sub-20. ceara

O atacante colombiano está no Palmeiras por empréstimo junto ao América de Cali. O Verdão já tem definido o valor para  compra de seus direitos federativos e pode exerce-la até o final do empréstimo, em 2021. Marino é da geração 2002, ou seja, tinha idade Sub-17 até o ano passado, é destro e tem passagens pela seleção de base da Colômbia.

O jogador está emprestado ao Palmeiras desde o início do ano, mas com a pandemia, teve que voltar ao seu país e só efetivamente começou a treinar e atuar pela base em outubro. Até agora, foram 5 jogos pela categoria Sub-20 e 1 gol marcado.

Mesmo com pouco tempo de clube, Marino já assumiu um certo protagonismo e foi titular em todas partidas que disputou até aqui. Ele atua pelos lados do campo, especialmente o direito, mas costuma trocar de posição com o outro ponta durante as partidas. O atacante é bastante habilidoso e ousado, não pareceu sentir a pressão de chegar e estrear no novo clube.

 

Marcelinho – 17 anos

Marcelinho Palmeiras Brasileiro Sub-20 vs SPFC

Marcelinho chegou ao Palmeiras em 2019 para o elenco Sub-17 e é um dos caçulas da geração 2002, já que faz aniversário só em dezembro. O atacante foi titular no segundo semestre de 2019 e tem sido peça muito importante no elenco Sub-20. Destro, ele atua pelos dois lados do campo, mas tem atuado mais pela esquerda nas últimas partidas.

O atacante não tem o mesmo estilo driblador de Wesley ou Marino, sua característica envolve mais velocidade, chute potente e visão de jogo. Ele já marcou 1 gol e deu 2 assistências no Brasileiro Sub-20 de 2020. Marcelinho já está inscrito na lista do Palmeiras na Libertadores.

 

 

Pedro Acácio – 18 anos

Pedro Acacio Palmeiras Sub-20 Foto Fabio Minotti

Pedro Acácio foi contratado pelo Palmeiras após chamar a atenção na Copa São Paulo de 2020, quando ainda defendia o Canaã, da Bahia.

Assim como Marino e Marcelinho, Pedro é da geração 2002 e tinha idade Sub-17 até o final do ano passado. Canhoto, o ponta chama atenção pela habilidade, velocidade e em como se adaptou rápido ao estilo de jogo do clube.

Mesmo não sendo titular em muitas partidas, o atacante é figura constante do time. Já marcou 1 gol e tem 3 assistências (1 no brasileiro e 2 no Paulista).

 

Assistências:

 

Robinho – 19 anos

Robinho Palmeiras Sub-20 brasileiro vs SPFC

Robinho é mais um jogador que chega ao Palmeiras com a parceria do Jacuipense, clube forte da base baiana. É esse clube, inclusive, que ainda possui 30% dos direitos de Wesley. Robinho joga  pelo lado do campo, especialmente o esquerdo. Assim como Pedro Acácio, também não é titular com frequência, mas sempre entra ao longo dos jogos e busca dar velocidade e dribles para desequilibrar a defesa adversária.

 

 

 

Além de Marino, Marcelinho, Pedro Acácio e Robinho, o Palmeiras também aposta no futuro em outros nomes que podem oferecer velocidade e habilidade. É improvável que sejam integrados ao profissional no momento, até pelas opções mais experimentadas que o clube já tem no Sub-20. De qualquer forma, vale deixar os atletas no radar:

 

Bruno Menezes – 18 anos

O atacante renovou com o Palmeiras após longo processo  que durou mais de 1 ano. O jogador chegou até a viajar a Holanda para acertar com um novo clube, mas o Verdão conseguiu valer os seus direitos e assinou novo acordo com o atleta por 3 anos.

Por ter ficado tanto tempo afastado, Bruno está voltando a atuar só nas últimas semanas e foi titular duas vezes no Campeonato Paulista. Ainda não foi relacionado para partidas do Brasileiro e da Copa do Brasil e deve demorar mais umas semanas para disputar esse espaço.

Bruno é canhoto e atua principalmente pelo lado esquerdo. Diferente dos outros da lista, tem um estilo mais próximo a um meia atacante, não aposta tanto assim em sua velocidade, mas mais na finalização e visão de jogo.

 

Vitor Hugo – 17 anos

Vitor Hugo foi contratado pelo Palmeiras junto ao Novorizontino e ainda pertence ao elenco Sub-17. O atacante, no entanto, já fez algumas partidas no Brasileiro Sub-20 e até deu uma assistência para Pedro Acácio, também já citado nessa matéria.

 

 

 

Giovani Henrique – 16 anos

O atacante é uma das principais revelações do Palmeiras para os próximos anos e tem tido um 2020 incrível, logo em seu primeiro ano como Sub-17. O canhoto foi convocado pela primeira vez para a seleção brasileira e é o atual artilheiro do campeonato brasileiro da categoria.

Giovani joga especialmente pelos lados do campo, principalmente do lado direito. Chama atenção pela habilidade, ótimo posicionamento e finalização. Junto com o Luiz Guilherme, é um dos atletas mais jovens inscritos pelo Palmeiras na Libertadores, ambos são nascidos em 2004.

 

 

 

 

 

Quer saber mais informações sobre Base do Palmeiras? Siga as nossas redes sociais:

Twitter: @BasePalmeiras

Instagram: @basedopalmeiras

Facebook: facebook.com/basepalmeiras/

Deixe uma resposta